PUBLICIDADE

“Curva da morte” em Pirauba recebe quebra molas para evitar novos acidentes

Na última segunda feira, na MG 353, no trecho conhecido como “Curva da Morte”, em Piraúba aconteceu à construção de quebra-molas para evitar o excesso de velocidade, uma prática comum dos motoristas e motociclistas naquele local.

A colocação é uma reivindicação de vários setores da cidade de Piraúba que nos últimos meses presenciaram alguns acidentes graves e mortes no local.  Depoimentos de alguns moradores, empresários e pessoas da comunidade de Pirauba ao site da cidade netnoticias demonstram que a medida foi bem aceita:

O empresário Batista disse: “A construção desse quebra-molas foi muito esperado, e isso irá salvar a vida de muitos”.

Um morador do local de nome Serginho afirmou: “Agora vai ficar mais seguro passar por aqui, eu que utilizo essa rodovia todo dia e via os carros passando por aqui quase me atingindo, agora fico mais tranqüilo”.

A solicitação ao DER MG foi intenso pedido a colocação dos quebra-molas, ofícios esses oriundos da Prefeitura, de deputados, de loja Maçônica e de empresários que se uniram no objetivo de evitar novas tragédias no local.

No local tivemos o registro de vários acidentes como: no dia 19 de maio de 2016, um caminhão carregado de lajotas com placa de Ervália, vindo de Guarani saiu da pista e bateu em uma árvore após o motorista não conseguir fazer a curva.

Em 30 de julho de 2017 três pessoas morreram em um acidente. De acordo com informações do Corpo de Bombeiros de Ubá, a vítima trafegava em um Fiat Palio quando a condutora, 24 anos, teria perdido o controle do veículo em uma curva, saiu da pista, e bateu contra uma árvore às margens do km um da rodovia. A motorista, que estava presa às ferragens, foi retirada pela guarnição consciente e conduzida para o Hospital Santa Izabel, em Ubá. Já os outros três ocupantes não resistiram aos ferimentos e morreram no local.

No dia  13 de agosto um veículo com placa da cidade de Belmiro Braga, trafegava no sentido Guarani/Piraúba, quando a condutora perdeu o controle da direção, vindo a passar direto na curva e cair em uma ribanceira. Neste caso havia uma senhora de 44 anos e suas duas filhas, não houve registro de morte.

Fonte: Netnoticias


Deixe seu comentário

Posts relacionados